Nordeste Rural | Homepage

O combate à broca-do-café pode ser feito com um controle biológico

🕔02.mar 2021

Hoje, um dos mais sérios problemas na busca de qualidade na cafeicultura brasileira é a presença da broca-do-café. A praga é um pequeno besouro de origem africana que age dentro dos frutos escavando galerias no interior dos frutos onde são depositados ovos pela fêmea. Depois do nascimento, as larvas se alimentam dos grãos, causando seu apodrecimento. A queda na produção no plantio do café pode chegar a até 100%.

Um controle biológico pode ser feito com o fungo beauveria bassiana, que é um dos principais predadores da broca. O fungo infecta a broca e age antes da penetração da praga no grão de café. A Embrapa Rondônia atua na identificação e multiplicação do beauveria bassiana e define a formulação adequada para ser aplicado em grande quantidade nas lavouras. A técnica, em algumas situações, é a única alternativa para otimizar a produção e a produtividade de cafés especiais, como o orgânico. A maior vantagem é a forma de controle utilizado, sem a utilização de agrotóxicos.

 

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE