Nordeste Rural | Homepage
[slide-anything id="14145"]

Novas sementes de maracujá como alternativa na melhoria de renda do produtor

🕔22.nov 2020

Com o objetivo de gerar cultivares com melhores frutos, maior resistência a doenças e maior produtividade, a Embrapa Cerrados (Brasília/DF) vem lançando novas variedades de maracujazeiro. As novas sementes são os híbridos BRS Gigante Amarelo, BRS Sol do Cerrado e BRS Ouro Vermelho. Também foi lançado mais um híbrido de maracujazeiro azedo: o BRS Rubi do Cerrado.

As pesquisas da Embrapa incluem a observação e a utilização das variedades silvestres de maracujá, aproveitando as melhores características dessas plantas para o melhoramento genético das variedades destinadas ao cultivo. As variedades lançadas pela Embrapa, de modo geral, se destacam por apresentarem maior produtividade e melhor qualidade dos frutos.

O uso dessas cultivares mais produtivas de maracujá desenvolvidas pela Embrapa possibilita, especialmente aos pequenos produtores, triplicar a produtividade em relação à média brasileira. Segundo o pesquisador da Embrapa Cerrados, Fábio Faleiro, líder do programa de melhoramento genético do maracujazeiro na Embrapa, “a receita líquida com o cultivo das variedade de maracujá azedo da Embrapa e o uso da tecnologia de produção podem viabilizar o agronegócio em pequenas áreas (um ou dois hectares), contribuindo para a fixação das famílias no campo com maior qualidade de vida”.

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE