Nordeste Rural | Homepage


Higiene é um dos principais cuidados que o criador deve ter para garantir uma boa produção de leite

🕔08.mar 2021

O principal problema na produção do leite é a falta de higiene do animal, do ordenhador e das instalações. Para uma boa higienização, os vaqueiros devem limpar bem as tetas do animal, lavar as mãos antes da ordenha, além de fazer a desinfecção das instalações e dos utensílios utilizados. Seguindo essas orientações os produtores poderão melhorar a qualidade do seu leite, aumentando sua renda familiar.

De acordo com instruções do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, a produção leiteira do Norte e Nordeste do País precisa ser resfriada adequadamente, em tanques de resfriamento ou pelo sistema de imersão de latões para que não aja prejuízos nem descaracterização das qualidades do leite.

Com higiene, resfriamento e cuidados, a melhoria da qualidade do leite e derivados, garantirá a saúde da população e aumentará a competitividade dos produtos lácteos em novos mercados. Nesse contexto, a Embrapa Rondônia está desenvolvendo pesquisas de pecuária orgânica, como alternativa de produção que alia simplicidade e harmonia com a natureza, sem deixar de lado a produtividade e a rentabilidade.

 

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE