Nordeste Rural | Homepage


As vantagens do agricultor consultar o zoneamento Agrícola de Risco Climático

🕔02.dez 2016

zoneamento_foto_01_000g5tf4u5102wx5ok01edq5smqwdi5rO Zoneamento Agrícola de Risco Climático (Zarc) oferece benefícios tanto aos produtores rurais como ao setor financeiro. É uma das principais ferramentas de organização da produção agropecuária brasileira e está completando 20 anos de atividades nesta semana. O sistema foi desenvolvido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), pela Embrapa e instituições de pesquisa parceiras.

Com o uso desse equipamento, do lado do produtor, houve uma redução significativa de perdas de produção decorrentes de eventos meteorológicos. Levantamento recente estima que o País evitou perdas de produtividade da ordem de R$ 3,6 bilhões anuais, graças à adoção do Zarc na concessão de crédito de custeio e de seguro aos produtores rurais.

A ferramenta gera calendários para as culturas que contam com zoneamento publicado, indicando os municípios aptos ao cultivo, data ideal para semeadura com baixo risco climático, cultivares adaptadas à região e tipo de solo para o cultivo.

“São levados em consideração dados como precipitação, temperatura e consumo hídrico para garantir 80% de chance de êxito nas culturas analisadas”, explica o pesquisador Aryeverton Fortes de Oliveira, da Embrapa Informática Agropecuária (SP), Unidade responsável pela coordenação do Zarc na Empresa.

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE