Nordeste Rural | Homepage


Quantidade correta de água e uma boa adubação permitem aumentar a produção de banana

🕔08.set 2021

A banana é uma cultura extremamente sensível à falta de água. Apesar de chover bastante na Região Norte do Brasil, as chuvas não são bem distribuídas durante o ano, fazendo com que algumas regiões passem por períodos longos de estiagem. Na região de cerrado ou lavrado no Estado de Roraima, por exemplo, as chuvas estão concentradas em apenas cinco meses, de abril a agosto. Na região do sul desse Estado, em área de floresta, a ocorrência de chuvas é alta durante o ano, mas há períodos nos meses de outubro a abril que ocorrem “veranicos”, com estiagem por mais de 15 dias.

Quando ocorrem períodos de estiagem por mais de 15 dias, a planta sofre estresse hídrico, com a falta de água. Na cultura da banana esse problema faz com que as plantas fiquem secas e os cachos não se desenvolvam, ficando menores, com perda na qualidade dos frutos. Diante do prolongamento da estação seca e do aumento da temperatura, a irrigação é uma opção que ajuda a melhorar a produtividade e a qualidade dos cultivos de banana.

A irrigação favorece a manutenção da umidade do solo na medida adequada durante todo o ciclo de desenvolvimento da planta. Isso favorece o melhor desenvolvimento dos frutos. Outra vantagem da irrigação na cultura da banana é permitir a utilização do solo durante todo o ano, com a possibilidade de colheitas em períodos diferenciados.

Quanto à adubação, a pesquisadora da Embrapa Amazônia Ocidental Mirza Carla Normando lembra que o produtor precisa fazer uma análise química do solo antes de providenciá-la. Para isto, o mais adequado é que procure um técnico que o ajude a interpretar os resultados da análise. “A adubação significa investimento mas, se o produtor estiver certo sobre as condições do mercado e vender um produto de qualidade, certamente, terá retorno desse investimento”, ressalta a pesquisadora.

O ideal para a cultura da banana é a irrigação por microaspersão, pois permite regar de forma localizada e o controle mais eficiente na quantidade de água a ser aplicada. A orientação é que o produtor conte com a ajuda de um técnico da extensão rural, que tenha experiência com a cultura da banana e com o clima da região onde se quer produzir.

 

 

 

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE