Nordeste Rural | Homepage

Um encontro sobre indicação geográfica terá palestrantes internacionais

🕔21.jul 2017

workshop indicação geográficaNo Brasil existem 62 produtos com Registro de Indicação Geográfica. As indicações são definidas atualmente conforme o Acordo TRIPs (Agreement on Trade-Related Aspects of Intellectual Property Rights ou Acordo sobre Aspectos dos Direitos de Propriedade Intelectual Relacionados ao Comércio), tratado Internacional integrante do conjunto de acordos assinados em 1994, no encerramento da Rodada Uruguai do Gatt (Acordo Geral de Tarifas e Comércio).

Para debater o tema, acontece o workshop que tem como um dos objetivos estimular o desenvolvimento regional e o crescimento econômico a partir de produtos tradicionais. O encontro para debates sobre indicação geográfica (IG) na agropecuária acontece de 9 a 11 de agosto, na Universidade da Região de Joinville (Univille), em Santa Catarina.

Organizado pelos governos locais junto com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e outros órgãos do governo federal, como o INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial), terá a participação de palestrantes como Ignacio López Moreno, da Universidad Autónoma Metropolitana (UAM, México) e do Grupo Territorio, Cultura y Desarrollo de la Universidad de Sevilla, Espanha. O especialista português Alberto de Almeida, da Universidade Lusíada do Porto/Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto (IVDP, Portugal), será um dos mediadores da sexta edição do evento. Foi nessas regiões que teve início (três séculos DC) o reconhecimento de um produto pela sua origem.

Serão apresentados, durante três dias, trabalhos acadêmicos, mesas-redondas, palestras, oficinas técnicas. Paralelamente, ocorrerá a V Mostra de Produtos Tradicionais. Tudo com a presença de palestrantes nacionais e do exterior, como Espanha, Estados Unidos, França, Israel, Portugal e Polônia. O evento é gratuito e com vagas limitadas. As inscrições para o evento apoiado pelo Ministério da Agricultura são gratuitas e podem ser feitas pela internet. Para inscrever-se, obter mais informações e a programação completa acesse: http://www.redeindicacaogeografica.com

Similar Articles

O uso de forragens para obter mais alimentos para os animais

O uso de forragens para obter mais alimentos para os animais 0

O cultivo de forrageiras traz economia para o pecuarista que podem gastar menos com a

A palma nos jardins da França

A palma nos jardins da França 0

Incrível, mas a palma forrageira, tão conhecida no nordeste para alimentar o gado, também é

É possível fazer defensivos caseiros para o controle de pragas e doenças das hortaliças

É possível fazer defensivos caseiros para o controle de pragas e doenças das hortaliças 0

O ataque de pragas e doenças é um dos maiores problemas enfrentados por pequenos ou

Um cercado francês no outono

Um cercado francês no outono 0

O cercado está pronto para receber os animais. O pasto é verde e exuberante, como

Uma semente de macaxeira sem fiapo e mais produtiva

Uma semente de macaxeira sem fiapo e mais produtiva 0

Uma macaxeira amarela, macia e saborosa, a Aipim Manteiga não apresenta fibras, tem sabor adocicado

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE