Nordeste Rural | Homepage

Será este mês a 5ª edição da Feira de agronegócio de Minas Gerais

🕔05.mar 2016

femec 1A Femec – Feira do Agronegócio do Estado de Minas Gerais – será realizada de 29 de março a 1º de abril, em Uberlândia-MG e terá novidades para produtores rurais em sua 5ª edição. O evento que reúne os principais fornecedores de máquinas, equipamentos, implementos, insumos agrícolas, pick-ups e veículos de passeio, receberá também duas atrações inéditas este ano. Serão promovidas pelas respectivas associações das raças, a 56ª Exposição Estadual de Minas Gerais do Cavalo Mangalarga Marchador e a Exposição Especializada da Raça Nelore – Expoinel. A Femec também terá uma feira de touros PO do programa Pró-Genética, que visa melhorar da qualidade genética do rebanho bovino do estado.

A feira será realizada pelo Sindicato Rural de Uberlândia, no Parque de Exposições Camaru, com entrada gratuita, das 8h00 às 20h00. Para o presidente da instituição, Thiago Soares Fonseca, a expectativa para a Femec 2016 é positiva considerando que este é um ano bom para o setor agropecuário. “Com chuvas regulares, as perspectivas de uma ótima safra e de colheita são muito boas, por isso ficamos animados e esperando que o produtor venha para a Femec e faça negócios”, afirmou.

A exposição do Mangalarga Marchador foi credenciada pela Associação Brasileira dos Criadores de Cavalo Mangalarga Marchador (ABCCMM) que fará a sede da mostra em Uberlândia este ano. O evento será realizado pelo Núcleo Marchadores do Triângulo, de 28 de março a 3 de abril, com julgamentos e premiações de animais. A previsão é que a prova receba mais de 300 exemplares da raça, de 150 criadores associados da ABCCMM.

A etapa da Expoinel que será realizada em Uberlândia, durante a Femec, é homologada pela Associação Brasileira de Criadores de Nelore (ABCN) e valerá para o ranking nacional da raça. A exposição deverá receber mais de 500 animais para serem julgados.

Já o Pró-Genética visa comercializar touros onde comprador negocia direto com criador. Negócios são fechados na porteira e o interessado leva o animal na hora, sem burocracias e com todas as facilidades que a feira oferece. “Com o preço do bezerro muito valorizado será uma oportunidade ótima para realização de negócios”, disse Lauro Fraga Almeida, gerente de melhoramento pró-genética da ABCZ.

 

Similar Articles

Novas técnicas de cultivo podem incluir a macaúba como fonte de renda para o agricultor

Novas técnicas de cultivo podem incluir a macaúba como fonte de renda para o agricultor 0

Produzir agroenergia e alimentos na mesma área pode ser um negócio lucrativo e viável. É

Primeiro centro de manejo racional para bovinos de corte no Brasil

Primeiro centro de manejo racional para bovinos de corte no Brasil 0

O Centro de manejo racional de bovinos de corte é uma nova infraestrutura, viabilizada pela

Pesquisadores trabalham para domesticar a macaúba no nordeste

Pesquisadores trabalham para domesticar a macaúba no nordeste 0

A palmeira ainda é uma planta em processo de domesticação. Ou seja, há carência de

O agricultor pode fazer treinamentos em três cursos sem sair de casa

O agricultor pode fazer treinamentos em três cursos sem sair de casa 0

Três novos cursos de ensino à distância com foco em temas do agronegócio foram lançados

Feira Livre – Passe o fim de semana no friozinho de Gravatá.

Feira Livre – Passe o fim de semana no friozinho de Gravatá. 0

Oportunidade: alugo para fins de semana ou temporada -  apartamento tipo flat no edifício Gravatá, com

http://www.flashppt.com/images/tangramone.swf