Nordeste Rural | Homepage

Projeto que vai fazer um diagnóstico da produção de suínos no Brasil visita o maior produtor nacional

🕔18.ago 2016

SuinosPara conhecer toda a tecnologia e a sanidade das granjas do maior estado produtor de suínos do Brasil, chega à Santa Catarina, a Expedição Suinocultura. O Estado é líder em produção com 900,4 mil t e exportação com 194,5 mil t de carne suína. A equipe da Expedição passa pela região de Videira e Friburgo, onde visita o maior produtor individual de suínos e o campeão em produtividade de leitões por matriz. O roteiro também inclui passagem pelas regiões de Concórdia e Chapecó, com incursão à Embrapa Suínos e Aves, que possui o melhor laboratório de pesquisas da América Latina, além de visitas à indústrias e algumas granjas que foram impactadas pela alta de insumos como o milho.

A Expedição já visitou o Paraná, terceiro colocado em produção com 542,2 mil toneladas e exportação de 67,3 mil t de carne de porco em 2015, segundo dados da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA). Os técnicos da Expedição fizeram um relatório de granjas e frigoríficos das granjas visitadas em dezenas de municípios.  Além disso, a equipe que percorreu o roteiro destaca a vontade e a disponibilização das cooperativas do setor em investir cerca de R$ 2 bilhões em estruturas que proporcionem maior produtividade de carne suína e derivados nos próximos anos.

O objetivo da Expedição Suinocultura é traçar um diagnóstico do setor no Brasil, e para isso, ainda visita os estados  do Rio Grande do Sul, responsável pela produção de 713,6 mil t e exportação de 183,7 mil t por ano, e as áreas de produção de Minas Gerais, com 400,1 mil t por ano e 14,1 mil t por ano, respectivamente. Os quatro estados concentram 80% da cadeia produtiva da carne suína no Brasil e produzem mais de 2,5 milhões de toneladas por ano. Entre agosto e outubro, a equipe de técnicos e jornalistas vai levantar os desafios e avanços que marcam a atividade, desde a granja, até a indústria e os portos. O projeto é uma iniciativa do Núcleo de Agronegócio Gazeta do Povo em parceria com a Frimesa, uma das gigantes do agronegócio nacional.

 

Similar Articles

Novas técnicas de cultivo podem incluir a macaúba como fonte de renda para o agricultor

Novas técnicas de cultivo podem incluir a macaúba como fonte de renda para o agricultor 0

Produzir agroenergia e alimentos na mesma área pode ser um negócio lucrativo e viável. É

Primeiro centro de manejo racional para bovinos de corte no Brasil

Primeiro centro de manejo racional para bovinos de corte no Brasil 0

O Centro de manejo racional de bovinos de corte é uma nova infraestrutura, viabilizada pela

Pesquisadores trabalham para domesticar a macaúba no nordeste

Pesquisadores trabalham para domesticar a macaúba no nordeste 0

A palmeira ainda é uma planta em processo de domesticação. Ou seja, há carência de

O agricultor pode fazer treinamentos em três cursos sem sair de casa

O agricultor pode fazer treinamentos em três cursos sem sair de casa 0

Três novos cursos de ensino à distância com foco em temas do agronegócio foram lançados

Feira Livre – Passe o fim de semana no friozinho de Gravatá.

Feira Livre – Passe o fim de semana no friozinho de Gravatá. 0

Oportunidade: alugo para fins de semana ou temporada -  apartamento tipo flat no edifício Gravatá, com

http://www.flashppt.com/images/tangramone.swf