Nordeste Rural | Homepage
Advertisement

Produtos da agricultura familiar em 14 estados tem preços garantidos e bônus de até 70%

🕔08.abr 2017

pronafAgricultores familiares de 14 estados brasileiros, cujos produtos tiveram preço de mercado abaixo do previsto no mês de março, têm direito a bônus de desconto no pagamento de crédito rural do Pronaf. A Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead) publicou no Diário Oficial da União ontem a portaria do Programa de Garantia Preços para a Agricultura Familiar (PGPAF) com percentuais de desconto válidos para o período de 10 de abril a 9 de maio de 2017.

A portaria lista babaçu (amêndoa), batata, cacau (amêndoa), cará/inhame, cebola, leite, manga, trigo e triticale (híbrido de trigo e centeio). Os estados contemplados no PGPAF são Amazonas, Pará, Tocantins, Rondônia, Ceará, Maranhão, Piauí, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Em sete estados a diferença entre o preço de mercado e o garantido pelo programa ultrapassa os 40%.

O destaque vai para a batata no Paraná, onde os dois preços variam em 70,77%. Em Santa Catarina, a batata também não obteve bons preços e o desconto no pagamento do Pronaf para os agricultores chega a 51,37%. No Pará, o mercado oferece R$ 1,40 pelo quilo da amêndoa do babaçu, enquanto que o PGPAF garante R$ 2,87. Nesse caso, o produtor paraense terá bônus de 51,22% na hora de pagar o financiamento.

O PGPAF foi criado para assegurar o custo de produção e o pagamento dos financiamentos de custeio contratados por meio do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). Assim, quando o preço de mercado fica abaixo do preço de garantia da safra, o programa calcula essa diferença e define o percentual de bônus a ser aplicado no saldo devedor dos agricultores familiares. Também tem o objetivo de estimular a diversificação da produção agropecuária e articular as diversas políticas de crédito e de comercialização agrícola.

 

Similar Articles

Menos custos para a produção de silo no semiárido

Menos custos para a produção de silo no semiárido 0

A redução dos custos de produção da silagem acontece através do consorcio de milho e

Receita – Cuscuz Desmanchadinho com Sardinha

Receita – Cuscuz Desmanchadinho com Sardinha 0

Por: Gomes da Costa   INGREDIENTES: 3 colheres (sopa) de Azeite Carbonell 1 cebola picada 2 tomates maduros, sem pele e

A cadeia produtiva do leite investe em tecnologia digital para crescer em produtividade

A cadeia produtiva do leite investe em tecnologia digital para crescer em produtividade 0

A produção de leite está presente em 99% dos municípios brasileiros e só este percentual

O solo do cerrado pode ser recuperado com uma planta leguminosa nativa

O solo do cerrado pode ser recuperado com uma planta leguminosa nativa 0

Estima-se que metade dos mais de dois milhões de quilômetros quadrados do Cerrado, segundo maior

Organização Mundial de Saúde Animal deve reconhecer o Brasil livre de aftosa com vacina

Organização Mundial de Saúde Animal deve reconhecer o Brasil livre de aftosa com vacina 0

O Comitê Científico da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) recomendou que o Brasil seja

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE