Nordeste Rural | Homepage
[ X ]

Nutrição balanceada permite criar potros de forma saudável

🕔13.nov 2015

potros no campoNão basta uma boa genética e um bom treinamento, para que o criador obtenha um cavalo que preencha todas as qualidades técnicas e genéticas. Uma criação adequada se inicia desde a fase gestacional de um animal até seu desenvolvimento completo. Desta forma, é possível que este indivíduo esteja fisiologicamente preparado para passar por um programa de treinamento. Grande parte do sucesso da criação está relacionada à nutrição balanceada do potro, que irá garantir um perfeito desenvolvimento do sistema músculo esquelético, preparando o animal para desempenho de exercícios físicos na fase adulta.

O período que vai do nascimento aos 18 meses de idade é crítico para o crescimento do cavalo jovem, pois nesta fase ele pode atingir 90% de sua altura e aproximadamente 70% de seu peso adulto.  Uma vez que suas exigências nutricionais são altas e que são animais atletas em potencial, deve-se conduzir seu crescimento de maneira adequada, tanto para evitar Doenças Ortopédicas do Desenvolvimento (DOD) como outras enfermidades.

Desta forma, é ideal a implantação de um programa nutricional adequado para cavalos jovens, que atinja as exigências de proteína, energia e minerais específicos para cada categoria. A nutrição do potro se inicia durante a gestação, principalmente no terço final, fase em que o crescimento fetal é muito grande (o potro chega a ganhar até 500 gramas por dia) e continua durante a amamentação, através do leite materno. Para garantir que o animal esteja recebendo uma nutrição adequada nestes períodos, é fundamental que a égua seja alimentada com ração balanceada com 15% de Proteína Bruta, além de volumoso de boa qualidade sendo fornecido à vontade.

Mesmo assim, o leite materno garante a nutrição do potro somente até o segundo ou terceiro mês de vida, pois a partir do terceiro mês de lactação a égua tem sua produção de leite diminuída e, ao mesmo tempo, o potro tem suas exigências aumentadas, o que significa que uma suplementação com ração balanceada deve ser realizada. O ideal é que a suplementação seja feita com ração comercial específica para potros, contendo em torno de 18 a 20% de Proteína Bruta e um balanço de cálcio e fósforo dispostos na proporção de 2:1. Deve-se iniciar o fornecimento da ração com 30 dias de idade, em quantidade aproximada de 100 gramas por dia, para que o potro aprenda a comer e aceite o produto. Esta quantidade deve ser aumentada de forma gradativa, de modo que aos três meses de idade, quando o leite materno não estiver mais em quantidade suficiente, o animal já tenha aprendido a comer a ração. Recomenda-se que chegue aos cinco meses recebendo em torno de 0,8 a 1% do peso vivo de ração balanceada ao dia, dividido em dois tratos, isto permitirá que ele chegue à fase de desmame com um estado físico ideal para suportar o estresse.

A suplementação torna-se ainda mais importante pelo fato do animal não conseguir digerir eficientemente a fibra, pois não possui o ceco totalmente funcionante. Isto significa que o volumoso consumido não é 100% aproveitado, tornando-se indispensável o fornecimento do concentrado. Por isso, é imprescindível que a pastagem seja de boa qualidade. Além disso, o sal mineral balanceado específico para equinos deve ser fornecido à vontade para o consumo dos potros.

Similar Articles

Bem-estar animal pode evitar prejuízos para o produtor rural

Bem-estar animal pode evitar prejuízos para o produtor rural 0

O bem-estar dos animais é assunto primordial no processo de criação, que garante melhor qualidade

Programa Garantia Safra beneficia mais de 37 mil produtores no Nordeste

Programa Garantia Safra beneficia mais de 37 mil produtores no Nordeste 0

A previsão é de que um total de 37.579 produtores de Pernambuco, Paraíba e Minas

Brasil pode ter uma colheita recorde para a próxima safra

Brasil pode ter uma colheita recorde para a próxima safra 0

Os estudos foram realizados pela Conab - Companhia Nacional de Abastecimento – que estima colheita

Receita – Sarapatel

Receita – Sarapatel 0

Por Foto do livro "História dos Sabores Pernambucanos" Maria Lectícia Monteiro Cavalcanti   INGREDIENTES: 2 kg de

Solos com erosão provocam perda de produtividade da superfície terrestre global

Solos com erosão provocam perda de produtividade da superfície terrestre global 0

O prejuízo pode atingir 23%, diz estudo da Plataforma Intergovernamental de Políticas Científicas sobre Biodiversidade

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE