Nordeste Rural | Homepage
Advertisement

Exportações de carne de frango batem recorde histórico

0 Comments 🕔08.ago 2018

aves penduradasAs exportações brasileiras de carne de frango, considerando todos os produtos, entre in natura e processados alcançaram 463,1 mil toneladas em julho. A informa é da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA). Esse número é 20,6% superior às 384 mil toneladas exportadas no mesmo mês do ano passado. Além disso, é considerado o maior fluxo mensal de embarques já registrado na história do setor.

O crescimento nas exportações geraram receita de US$ 711,6 milhões, desempenho 15,7% acima do alcançado em julho do ano passado, com US$ 614,8 milhões. “O número de exportações em patamar recorde é consequência direta do reestabelecimento dos níveis dos embarques nos portos após o fim dos bloqueios nas estradas, bem como da normalização do fluxo de dados no novo sistema de coleta de informações do MDIC. Ao mesmo tempo, mostra uma rápida resposta do setor ao apoio do Governo, após os impactos da greve dos caminhoneiros”, analisa Francisco Turra, presidente da ABPA.

Com o número significativamente maior das exportações do mês passado, o saldo dos embarques registrados em 2018 reduziram os níveis de perdas acumuladas na comparação com o ano anterior. “Considerando a data de início da nova metodologia, o acumulado em exportações de carne de frango alcançou até aqui médias mensais superiores a 320 mil toneladas, ritmo próximo dos padrões normais para o setor de carne de frango. Além disto, se somados os últimos dois meses, a média registrada também indica recuperação do fluxo de exportação próximo de 350 mil toneladas”, ressalta Ricardo Santin, diretor-executivo da ABPA.

As exportações de carne suína in natura totalizaram em julho 57 mil toneladas, volume 17,1% acima do registrado no mesmo período do ano passado, quando foram embarcadas 48,7 mil toneladas.   Com este desempenho, a receita do setor chegou a US$ 105,8 milhões, número 13,8% inferior que o saldo de julho de 2017, com US$ 122,7 milhões.

“O comportamento visto nas exportações de carne suína é influenciado pelos mesmos fatores registrados da carne de frango. Ao mesmo tempo, perduram as fortes compras de produtos pelos chineses, reduzindo os impactos do embargo russo ao setor brasileiro.  Apesar disto, se considerarmos a média dos dois últimos meses somados, vemos volumes de embarques de 43,4 mil toneladas, dado em patamar próximo ao da média registrada em 2017”, analisa Santin.

Similar Articles

Suplementação de vitaminas para bovinos garante melhor produtividade do rebanho

Suplementação de vitaminas para bovinos garante melhor produtividade do rebanho 0

Suplementação de vitaminas A, D e E, uma das medidas adotadas nas propriedades para manutenção

Uma farinha de feijão de corda é a base para um tipo de biscoito mais nutritivo e sem glúten

Uma farinha de feijão de corda é a base para um tipo de biscoito mais nutritivo e sem glúten 0

Os biscoitos feitos à base de feijão-caupi têm uma boa textura e coloração atraente. O

Uma ideia que pode se espalhar pelo Brasil: união de bares para vender vinhos mais baratos

Uma ideia que pode se espalhar pelo Brasil: união de bares para vender vinhos mais baratos 0

É o 3º Festival Vinho no Boteco que acontec entre os dias 16 de agosto

Dinheiro do funcafé chega aos bancos para repassar aos produtores

Dinheiro do funcafé chega aos bancos para repassar aos produtores 0

Neste ano são R$ 4,9 bilhões disponíveis para que os produtores possam se credenciar e

Rally dos Sertões tem data para largada

Rally dos Sertões tem data para largada 0

Em 26 anos de história, um dos maiores ralis do mundo, tem largada prevista para

No Comments

No Comments Yet!

No one have left a comment for this post yet!

Write a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE