Nordeste Rural | Homepage

Em janeiro o Brasil exportou mais carne de frango do que em dezembro do ano passado

🕔06.fev 2018

carne de frangoComparando as exportações mês a mês e este ano com o ano passado, os números fazem uma ciranda: ora aumentam ora diminuem. É o caso, por exemplo, do levantamentos da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) que mostram que os embarques de carne de frango, considerando todos os produtos, entre in natura e processados, totalizaram 330,9 mil toneladas em janeiro, deste ano. É um saldo é 8,8% inferior ao obtido no mesmo mês de 2017. Que teve 362,9 mil toneladas exportadas. O número de janeiro, no entando, supera em 3% o desempenho das exportações em dezembro do ano passado, que ficou em 321,1 mil toneladas.

O saldo total das exportações gerou uma receita de US$ 521,9 milhões, número 13,3% menor que os US$ 601,7 milhões obtidos em janeiro do ano passado, e 0,1% inferior ao resultado de dezembro, com US$ 522,5 milhões. “As exportações de janeiro deste ano apresentaram excelente desempenho quando comparamos com o histórico dos embarques registrados no período, exceto diante dos números de janeiro de 2017, quando houve uma alta histórica. As vendas para os Emirados Árabes Unidos, Japão e África do Sul foram os destaques positivos neste início de ano”, analisa Francisco Turra, presidente-executivo da ABPA.

Nos outros segmentos de carnes exportadas, a carne suína in natura totalizou 45,2 mil toneladas em janeiro deste ano, volume 17% inferior às 54,5 mil toneladas embarcadas em janeiro de 2017, mas 3% superior ao volume embarcado em dezembro, de 43,9 mil toneladas. Com isto, a receita das vendas do primeiro mês de 2018 chegou a US$ 97,5 milhões, número 21,8% menor que os US$ 124,6 milhões de janeiro do ano passado, e 4,3% inferior ao saldo de dezembro, com US$ 101,9 milhões.

“As fortes vendas para a China e Hong Kong diminuíram os impactos causados pelo embargo russo à carne suína brasileira. O mercado chinês, por exemplo, incrementou suas compras em mais de 120% em relação à janeiro de 2017”, aponta Turra.

Similar Articles

Uma cultivar de arroz própria para cultivo em vários estados do nordeste

Uma cultivar de arroz própria para cultivo em vários estados do nordeste 0

É o arroz vermelho desenvolvida, pela primeira vez, no Brasil através dos pesquisadores da Embrapa.

Produtor perde menos usando suplementos granulados na dieta bovina

Produtor perde menos usando suplementos granulados na dieta bovina 0

Em um trabalho de pesquisa, cientistas da Embrapa Gado de Corte (MS) testaram alternativas para

Mudam as regras para produção de leite aos fornecedores das indústrias credenciadas pelo governo

Mudam as regras para produção de leite aos fornecedores das indústrias credenciadas pelo governo 0

As mudanças foram publicadas no Diário Oficial da União, nas Instruções Normativas (INs) 76 e

Justiça toma posição e canavieiros resolvem voltar ao trabalho

Justiça toma posição e canavieiros resolvem voltar ao trabalho 0

Na audiência de conciliação entre os trabalhadores e os empresários do Setor, no Tribunal Regional

A liderança mundial do Brasil na produção de café

A liderança mundial do Brasil na produção de café 0

A Maior produtor e exportador de café, e segundo maior consumidor do mundo, o Brasil

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE