Nordeste Rural | Homepage

Cuidados para combater a raiva bovina

🕔18.ago 2019

morcegoA doença atinge todos os mamíferos e animais silvestres. O principal transmissor da raiva é o morcego hematófago, que transmite o vírus pela saliva ao alimentar-se do sangue dos animais. O controle da raiva dos herbívoros se dá com a vacinação preventiva do rebanho, e os órgãos de defesa realizam o controle populacional do morcego hematófago, com a captura dos morcegos nas propriedades.

Para identificar a ação dos morcegos é preciso estar atento aos sinais de sugaduras nos animais. Os morcegos costumam agir mais de uma vez no mesmo animal e local onde atacaram. O vírus da raiva herbívora não afeta todas as espécies de morcegos, somente a dos hematófagos. Eles só procriam uma vez ao ano, portanto, não se disseminam com tanta rapidez, o que torna possível o controle da doença.

Os técnicos do Indea – Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso – esclarecem, que o bovino não transmite diretamente a doença para o homem. “O boi desenvolve a doença e morre. No entanto, o contato da saliva do animal, seja cão ou gato ou mesmo do boi, com a pele ferida de uma pessoa poderá contaminá-la. Por isso é necessário todo cuidado e qualquer manipulação do animal, inclusive, deve ser feito com luvas. Uma mordida do cão com a doença também afeta o homem e não tem cura, leva a óbito”.

O Indea alerta para que os produtores comuniquem a vacinação do rebanho bovino contra raiva, nos escritórios de defesa animal, e em casos de suspeita, recomenda-se isolar o animal do restante do rebanho, nunca manipular o animal, comunicar a suspeita ao serviço sanitário oficial e procurar a Secretaria Municipal de Saúde.

 

Similar Articles

Perdas na safra de milho do Rio Grande do Sul mostra crescimento nos pedidos de seguro rural

Perdas na safra de milho do Rio Grande do Sul mostra crescimento nos pedidos de seguro rural 0

Foram registrados 6.719 comunicados de perdas pela seca no RS. Mais da metade (54,5%) foram

Carne bovina promove crescimento da receita do agronegócio brasileiro

Carne bovina promove crescimento da receita do agronegócio brasileiro 0

Em janeiro de 2020, as Exportações de carne bovina tiveram alta de 9,84%, promovendo receitas

Balanço positivo para os custos de produção de suínos e de frangos de corte em 2019

Balanço positivo para os custos de produção de suínos e de frangos de corte em 2019 0

Os custos de produção de suínos e de frangos de corte calculados pela CIAS, a

Novo mercado para a exportação da carne bovina brasileira

Novo mercado para a exportação da carne bovina brasileira 0

O pais que confirmou a compra de carne bovina brasileira é o Kuwait, que foi

Serra Gaúcha, no verão,  estimula turismo para ver a colheita da uva

Serra Gaúcha, no verão, estimula turismo para ver a colheita da uva 0

colheita da uva na Serra Gaúcha acontece de janeiro a março e os turistas podem

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE