Nordeste Rural | Homepage

Criador que não vacinou contra a febre aftosa pode ser multado

🕔19.jun 2018

vacina seringaO prazo para compra da vacina e da própria vacinação do rebanho contra a febre aftosa terminou no último dia 15 de junho. Foi a primeira fase da campanha e  todos os bovinos e bubalinos teriam que ser imunizados, independente da idade.

A partir de agora, os produtores que não compraram a vacina e não declararam o rebanho terão de pagar uma multa de R$ 300,00 por propriedade e R$ 60,00 por animal. Além de ficar impedido de retirar a Guia de Trânsito Animal (GTA), documento necessário para levar animais para feiras, leilões exposições, abate e de uma propriedade para a outra. O criador também não pode retirar a ficha sanitária, declaração necessária para a compra do milho na Conab e empréstimos bancários.

Cerca de 28 mil produtores ainda devem procurar a Adagro para declarar o seu rebanho. O produtor tem até o dia 30 deste mês para declarar seus animais nos escritórios da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro).

Similar Articles

Cientistas brasileiros criam uma cultivar de mamona sem veneno para os animais

Cientistas brasileiros criam uma cultivar de mamona sem veneno para os animais 0

A pesquisa genética foi desenvolvida pelos pesquisadores da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia. Eles conseguiram

Um porta-enxerto híbrido ajuda a proteger o plantio de pimentão contra as pragas

Um porta-enxerto híbrido ajuda a proteger o plantio de pimentão contra as pragas 0

É o BRS Acará, porta-enxerto híbrido que tem como público-alvo produtores de pimentão em cultivo

Receita:  Sopa de Cebola

Receita: Sopa de Cebola 0

Esta sopa está no cardápio do restaurante 150 Maksoud, localizado no Hotel Maksoud Plaza, em

Tempo beneficia as lavouras de inverno

Tempo beneficia as lavouras de inverno 0

O tempo no Brasil vai se dividir entre a faixa litorânea do nordeste e o

Reconhecidos os primeiros vinhos brasileiros produzidos na técnica de boas práticas

Reconhecidos os primeiros vinhos brasileiros produzidos na técnica de boas práticas 0

A Vinícola Ravanello, no município de Gramado (RS), é a primeira empresa brasileira a apresentar

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE