Nordeste Rural | Homepage
Advertisement

Congresso Latino-Americano de Banana será no Brasil

🕔30.mai 2015

banana (1)O III Congresso Latino-Americano e do Caribe de Bananas e Plátanos, um dos mais importantes eventos internacionais relacionados à bananicultura, que vai acontecer de 18 a 20 de agosto, no Seminário Sagrado Coração de Jesus, em Corupá, Santa Catarina. O evento — que este ano tem por tema central “Musáceas no subtrópico: desafios e oportunidades frente à variabilidade climática” — é voltado para produtores, técnicos, extensionistas, pesquisadores e estudantes e abrange 27 palestras.

Para os interessados as informações sobre inscrição, envio de resumos e especificações do pôster estão disponíveis em http://banana-networks.org/musalac/2015/02/16/reunion-musalac-y-congreso/. O prazo para envio de trabalhos vai até o dia 14 de junho.

Logo em seguida ao congresso, nos dias 21 e 22, será realizada a XI Reunião do Comitê Gestor da Musalac, no Hotel Tureck Garten. Essa é a primeira vez que o Brasil recebe a reunião da Rede de Pesquisa e Desenvolvimento de Banana e Plátano para América Latina e Caribe (Musalac), criada em 1986. Ao contrário do congresso, a reunião não é aberta ao público em geral, apenas para membros da rede. Os eventos estão sob a organização da Embrapa Mandioca Fruticultura (Cruz das Almas, BA).

Segundo o pesquisador Miguel Dita, secretário-executivo do evento e da Musalac, são dois eventos interligados, mas com objetivos bem específicos. “O congresso busca oferecer um espaço de alto nível para apresentar e discutir temas de relevância com o setor produtivo e acadêmico. Já a reunião visa agregar os países membros da rede para discutir temas de interesse regional, como mudanças climáticas, mal-do-Panamá, entre outros, além de revisar as agendas e avanços de pesquisa com bananeira em cada um dos países.”

O município de Corupá foi escolhido porque produz uma banana diferenciada em sabor e baseia-se na agricultura familiar. A banana é a principal fonte de renda da região, onde aproximadamente 600 famílias dependem diretamente da cultura.

 

Similar Articles

Organização Mundial de Saúde Animal deve reconhecer o Brasil livre de aftosa com vacina

Organização Mundial de Saúde Animal deve reconhecer o Brasil livre de aftosa com vacina 0

O Comitê Científico da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) recomendou que o Brasil seja

Começa a fiscalização para venda do pescado na Semana Santa

Começa a fiscalização para venda do pescado na Semana Santa 0

O trabalho dos fiscais tem a orientação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e

Árvore na janela

Árvore na janela 0

A imagem inédita se repetiu. Mais uma árvore crescendo em lugar inapropriado. Desta vez foi

Adubo verde in natura com aproveitamento de uma leguminosa do cerrado

Adubo verde in natura com aproveitamento de uma leguminosa do cerrado 0

A camaratuba – cratylia argente – tem como uma de suas características a fixação biológica

Atenção para os donos de granjas de avicultura

Atenção para os donos de granjas de avicultura 0

Para facilitar o controle sanitário das granjas de todo o Brasil, o Ministério da Agricultura,

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE