Nordeste Rural | Homepage

Brasil tem o segundo melhor superavit do agronegócio em junho

🕔11.jul 2017

soja em monteAs exportações brasileiras do agronegócio atingiram US$ 9,27 bilhões, em junho, superando em 11,6% o valor registrado em igual mês do ano anterior. Do lado da importação, houve crescimento de 6,1%, passando para US$ 1,16 bilhão em junho deste ano. O superávit comercial do agronegócio brasileiro elevou-se de US$ 7,22 bilhões para US$ 8,12 bilhões, sendo o segundo maior resultado da série histórica para meses de junho, abaixo apenas do valor de junho de 2014, quando foi de US$ 8,40 bilhões.

As vendas foram lideradas pelo complexo soja (grão, farelo e óleo), cujas vendas atingiram US$ 3,96 bilhões. O valor significa acréscimo de 8,1% sobre o que foi registrado em igual mês de 2016. Este segmento representou 42,7% do total das exportações do agronegócio no mês. Os dados constam da balança comercial do agronegócio, divulgada pela Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio (SRI) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

O complexo sucroalcooleiro aparece em seguida, com exportações de US$ 1,36 bilhão no período, contabilizando aumento de 32,9% sobre junho/2016. Esse acréscimo foi puxado pelas vendas de açúcar em bruto, que tiveram incremento de 39,7%, alcançando US$ 1,07 bilhão (2,64 milhões de toneladas). Esse desempenho garantiu recordes em valor e quantidade para o açúcar em bruto, considerando meses de junho.

Na terceira posição da pauta, o setor de carnes registrou exportações de US$ 1,32 bilhão, revelando avanço de 1,7% no valor exportado em junho/2017 sobre igual período do ano anterior. As vendas de carne suína obtiveram o melhor desempenho do setor, com elevação de 26,9% sobre junho/2016 (+3,9% em quantidade e +22,1% no preço médio), passando para US$ 154,53 milhões.

O destaque seguinte foram as exportações de produtos florestais, que atingiram US$ 1,03 bilhão em junho/2017, superando em 21% o resultado de junho/2016. Sobressaíram-se as vendas de celulose, com aumento de 38,5% sobre junho/2016 (+16,9% em quantidade e +18,5% no preço médio), alcançando US$ 620,15 milhões. Em conjunto, os principais segmentos da pauta do agronegócio somaram US$ 8,04 bilhões, representando 86,7% do total das exportações registradas em junho de 2017.

 

 

Similar Articles

Menos custos para a produção de silo no semiárido

Menos custos para a produção de silo no semiárido 0

A redução dos custos de produção da silagem acontece através do consorcio de milho e

Receita – Cuscuz Desmanchadinho com Sardinha

Receita – Cuscuz Desmanchadinho com Sardinha 0

Por: Gomes da Costa   INGREDIENTES: 3 colheres (sopa) de Azeite Carbonell 1 cebola picada 2 tomates maduros, sem pele e

A cadeia produtiva do leite investe em tecnologia digital para crescer em produtividade

A cadeia produtiva do leite investe em tecnologia digital para crescer em produtividade 0

A produção de leite está presente em 99% dos municípios brasileiros e só este percentual

O solo do cerrado pode ser recuperado com uma planta leguminosa nativa

O solo do cerrado pode ser recuperado com uma planta leguminosa nativa 0

Estima-se que metade dos mais de dois milhões de quilômetros quadrados do Cerrado, segundo maior

Organização Mundial de Saúde Animal deve reconhecer o Brasil livre de aftosa com vacina

Organização Mundial de Saúde Animal deve reconhecer o Brasil livre de aftosa com vacina 0

O Comitê Científico da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) recomendou que o Brasil seja

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE