Nordeste Rural | Homepage

As exportações do agronegócio brasileiro somaram US$ 8,73 bilhões no mês passado

🕔20.abr 2017

soja grãosO agronegócio representou 43,5% do valor total das vendas externas brasileiras no mês passado. Os embarques do setor somaram US$ 8,73 bilhões – recorde para os meses de março –, com aumento de 4,6% em comparação aos US$ 8,35 bilhões alcançados em março de 2016. Com as importações de US$ 1,39 bilhão, o saldo da balança comercial do agro foi de US$ 7,34 bilhões, com acréscimo de 2,3% em relação ao mesmo mês do ano anterior. Os números foram divulgados pela Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio (SRI) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Em março, o complexo soja representou 46,5% de todas as exportações do agronegócio. Em seguida, aparecem carnes, com 15,4%; produtos florestais, com 10,1%; complexo sucroalcooleiro, com 8,8%; e café, com participação de 5,8%. Juntas, as vendas externas dos cinco setores equivalem a 86,7% do total exportado pelo agro em março de 2017.

Segundo a SRI, as exportações do complexo soja cresceram 16,8% em relação a março de 2016, totalizando US$ 4,06 bilhões. A maior parcela desse valor corresponde às exportações de soja em grãos, que atingiram valor e quantidade recordes para o mês de março, com US$ 3,53 bilhões (+20,8%) e 8,98 milhões de toneladas (+7,2%).

O farelo de soja foi o segundo principal produto negociado pelo setor, com receita de US$ 434,21 milhões (-7,7%) para 1,16 milhão de toneladas embarcadas (-22,6%) e preço médio no período de US$ 375 por tonelada (+19,2%). Já as vendas externas de óleo de soja totalizaram US$ 89,65 milhões (+13,2%), com alta no preço médio do produto (+14,8%), mas com queda na quantidade comercializada (-1,4%).

As exportações de carnes atingiram US$ 1,35 bilhão em março, com aumento de 9,2% ante o US$ 1,23 bilhão verificado no mesmo mês do ano anterior. Houve retração de 5,2% na quantidade comercializada, com 591,72 mil toneladas, e elevação do preço médio dos produtos do setor à taxa de 15,2%. O principal item negociado no mês foi a carne de frango, com US$ 644,15 milhões (+11,7%).

 

 

Similar Articles

Projeto ajuda jovens agricultores do Ceará a estudar e se manter na terra

Projeto ajuda jovens agricultores do Ceará a estudar e se manter na terra 0

Projovem Campo É o projeto Projovem Campo Saberes da Terra. O objetivo é trazer de

Incentivo ao plantio de cacau pretende tornar o Brasil autossuficiente

Incentivo ao plantio de cacau pretende tornar o Brasil autossuficiente 0

O Brasil é o sétimo produtor de cacau do mundo, atrás da Costa do Marfim,

Um jeito de garantir alimento para os animais nos períodos de seca

Um jeito de garantir alimento para os animais nos períodos de seca 0

Uma alternativa para garantir a manutenção de animais como caprinos e ovinos, além de bovinos,

Uma semente transgênica de algodão branco

Uma semente transgênica de algodão branco 0

A semente de algodão branco é uma cultivar de porte médio e ciclo longo, indicada

A importância da mandioca para todas as regiões do Brasil

A importância da mandioca para todas as regiões do Brasil 0

Alimento energético, rico em carboidrato, a mandioca é um dos principais ícones da agricultura brasileira

http://www.flashppt.com/images/tangramone.swf