Nordeste Rural | Homepage

A produção de algodão em Minas Gerais deve crescer mais de 50% em 2019

🕔10.ago 2019

algodão - patos de minasÉ que a produção este ano deve ser 67,3% maior do que os números da safra passada. Isso deve colocar Minas Gerais no terceiro lugar do ranking dos maiores produtores brasileiros de algodão. A euforia dos produtores pode ser notada durante o dia de campo que a Associação Mineira dos Produtores de Algodão (AMIPA) promoveu na fazenda experimental da entidade, localizada em Santana de Patos, distrito de Patos de Minas (MG). O evento atraiu quase 600 pessoas.

“A Embrapa e a AMIPA estão fortalecendo suas parcerias para desenvolver tecnologias para a produção de algodão no estado de Minas Gerais, principalmente na busca do controle biológico do bicudo do algodoeiro. O manejo dessa praga é, sem dúvida, o nosso maior desafio e os avanços que conseguirmos nesse objetivo serão uma imensa contribuição para a produção sustentável de algodão. Estamos muito felizes com a receptividade que nossa equipe está tendo por parte da AMIPA e dos cotonicultores mineiros”, declarou Liv Soares, chefe-geral Interino da Embrapa Algodão, que esteve presente ao evento.

Durante o dia de campo foi apresentada ao público a marca comercial Trichogramma Amipa, que é um agente de controle biológico desenvolvido pela Fábrica de Produtos Biológicos (Biofábrica). O produto foi testado e aprimorado ao longo dos últimos anos nas propriedades dos associados com bastante sucesso e eficiência no controle de pragas da ordem lepidóptera nas culturas do algodão, soja, milho, ervilha, feijão e tomate.

Minas deve ter nesta safra aumento de 67,3% e chegar a 73,2 mil toneladas colhidas de algodão em pluma, contra 43,7 mil toneladas na safra anterior, que foi maior 59,2% em relação à temporada 2016/17 que rendeu 27 mil toneladas, segundo dados da própria AMIPA.

O volume de área cultivada saltou de 25,23 mil/ha em 2017/18 para atuais 42,8 mil/ha, 69,6% a mais. A produtividade mineira com 285 arrobas por hectare também está acima da média nacional. “Os números desta safra fazem com que Minas alcance a terceira posição entre os estados maiores produtores de algodão no Brasil, atrás somente de Mato Grosso e Bahia”, salientou o diretor executivo da associação, Lício Pena.

Segundo Pena, das 73,2 mil toneladas de algodão em pluma estimadas para a safra 2018/2019, cerca de 20 mil toneladas estão contratadas com tradings e outras 52 mil toneladas serão destinadas ao mercado interno. A produção mineira já é exportada para 34 países.

 

Similar Articles

Usina alagoana ganha referência internacional de produção sustentável de açúcar e etanol

Usina alagoana ganha referência internacional de produção sustentável de açúcar e etanol 0

É a Usina Coruripe que acaba de ser recomendada para receber a inédita certificação do

Horta comunitária é inaugurada por crianças de uma creche

Horta comunitária é inaugurada por crianças de uma creche 0

A horta Cores e Sabores vai produzir alimentos para um grupo de 180 crianças da

OS búfalos no Estado de Pernambuco: Décadas de História

OS búfalos no Estado de Pernambuco: Décadas de História 0

Por: Ricardo Pessoa – Professor da UFRPE   O professor Ponce de Leon Filho registrou que os

Safra brasileira de grãos deve ter novo recorde este ano

Safra brasileira de grãos deve ter novo recorde este ano 0

A estimativa da safra 2019/2020 de grãos aponta para um novo recorde, com 246,4 milhões

Valorização da genética bovina promove crescimento na Venda de sêmen no Brasil

Valorização da genética bovina promove crescimento na Venda de sêmen no Brasil 0

A Associação Brasileira de Inseminação Artificial (Asbia) divulgou o Relatório ASBIA Index com o fechamento

CITEquin - Hospital do Cavalo, Paudalho-PE